Loading...

sábado, 27 de novembro de 2010

PARCERIA QUE VALE A PENA...


Com o intuito de ampliar conhecimentos sobre as indústrias extrativas, (tema debatido nas aulas de Geografia) os alunos do 6º ano visitaram a Vale.  A visita é uma parceria da Vale com as escolas de Itabirito. O objetivo da mesma é fazer com os alunos compreendam a importância socioeconômica da Vale para o município de Itabirito, bem como os trabalhos socioambientais que a empresa realiza.
Além do ônibus para realizar a locomoção dos alunos até a Mina do Pico, a Vale forneceu também um maravilhoso "caderno agenda" e uma caneta de material reciclado. O material foi utilizado durante a palestra ministrada pelas monitoras: Marlene, Ana Claudia e Ana Luísa. Sem falar no delicioso lanche que foi servido. Os alunos vibraram também  com a oportunidade de conhecer as dependências da empresa e visitar o mirante do Pico.

sábado, 20 de novembro de 2010

RECICLANDO COM O 8º ANO...

Raramente paramos para pensar quantas embalagens jogamos diariamente no lixo. Considerando que quase tudo que compramos possui uma embalagem, conclui-se que é muita matéria prima jogada no lixo todos os dias.
Foi pensando nesse fato que as instrutoras e estagiárias do Parque Ecológico de Itabirito resolveram dar um destino diferente para as embalagens “longa vida”. Como o próprio nome da embalagem sugeri, elas realmente podem ter uma longa vida.

Ao chegarem no Parque Ecológico e receberem uma embalagem “longa vida”, os alunos do 8º ano não imaginavam no que as mesmas se transformariam. E até chegaram a duvidar que realmente daria certo. Contudo, no final da oficina o resultado foram sofisticadas carteiras femininas.

ALÉM DA SALA DE AULA...

Com intuito de ampliar e aprimorar conhecimentos nas disciplinas de Geografia e Ciências, os alunos do 7º ano visitaram o “No Mundo das Águas” e a Fundação Zoobotânica de Belo Horizonte.  Os alunos tiveram a oportunidade de ter contato e visualizar de perto os seres vivos aquáticos, bem como os biomas brasileiros. Conteúdos estes estudados anteriormente em sala de aula.  

Foi possível constatar que a maioria dos alunos teve mais facilidade para compreender conceitos que não haviam ficado claros no estudo teórico em sala de aula. A oportunidade de estar frente a frente com seres vivos que até então os alunos só conheciam de imagens de livros foi fascinante. Assim como a incrível sensação de estar “dentro” de um bioma brasileiro.  

domingo, 31 de outubro de 2010

CENSO DEMOGRÁFICO

O censo ou recenseamento demográfico é uma pesquisa sobre a população que possibilita a recolha de várias informações, como o número de habitantes, o número de homens, mulheres, crianças e idosos, onde e como vivem as pessoas e o trabalho que realizam, entre outros aspectos. Esse estudo é realizado normalmente a cada dez anos na maioria dos países. No Brasil quem coordena o censo é o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísitica – IBGE.

Neste ano (2010) está acontcendo o censo. Várias famílias já receberam a visita do agente do IBGE. Quem ainda não recebeu a visita deste agente, em breve deverá receber. Devemos tratar o mesmo com cortesia e responder as perguntas com seriedade.

É por esse motivo que os alunos do 7º ano, realizaram neste mês de outubro, um mini censo demográfico pelos bairros: Floresta e Veneza. O objetivo do trabalho é entender na prática o trabalho dos agentes do censo. Além disso, obter dados sobre a população dos bairros e aprender nas aulas de Matemática, a apuração de dados e a elaboração de gráficos.
Caro aluno do 7º ano, comente aqui no blog a sua experiência como agente do censo. Lembre-se de colocar seu nome e a sua turma.

domingo, 5 de setembro de 2010

PERSPECTIVAS FUTURAS...

"Se tudo pode acontecer, se pode acontecer qualquer coisa,
um deserto florescer, uma nuvem cheia não chouver..."

Sonhar é algo necessário e que faz a vida ter sentido. A pessoa que não sonha e que não tem projetos para o futuro, certamente não está vivendo plenamente. Por mais que um sonho às vezes possa parecer impossível, quando você realmente quer a realização dele, ele acaba acontecendo.

Nunca é tarde para se lutar, pela felicidade nem tampouco é tarde para se acreditar na possibilidade de mudanças e de restauração. Tarde, é um conceito de tempo presente na mente cansada dos que, por fraqueza ou medo, entregam-se ao desespero e fazem sociedade com a derrota. A desistência é o caminho mais fácil dos que não gostam de lutar. A vida é uma maratona permanente, que condecora aqueles que jamais abandonam as pistas, ainda que cheias de obstáculos.

Duas forças interagem em nós, revigorando nossa mente e fortalecendo nosso espírito de luta. São elas: a auto-ajuda e a ajuda do alto. Somos parceiros de Deus no esforço para a superação de nossas dificuldades. Não que Deus precise de nós para fazer algo; nós é que precisamos fazer algo, por nós mesmos, com a ajuda de Deus.

Caro (a) aluno (a) da EJA: quero saber um pouco mais sobre as suas perspectivas futuras. O que você pensa em ser no futuro? Conte-me um pouco sobre os seus projetos após a conclusão do Ensino Médio. Pensa em fazer uma faculdade? Pensa em fazer um curso técnico ou profissionalizante? Em que área tem vontade de atuar? Relate um pouco sobre você e seus projetos. Não esqueça de colocar seu nome e sua turma.

Um abraço e bom trabalho!

A GRANDE ALMA...


Gandhi, Mohandas Karamchand (ou Mahatma) (1869-1948), líder nacionalista indiano que levou seu país a conquista da independência mediante uma revolução pacífica.

Advogado, exerceu a profissão na África do Sul, onde se envolveu na luta pela defesa dos direitos fundamentais dos imigrantes indianos. Em 1914 regressou ao seu país depois da I Guerra Mundial e iniciou um movimento de resistência pacífica invocando a satyagraha (‘abraço da verdade’, em sânscrito) contra a Grã-Bretanha. Quando o Parlamento aprovou, em 1919, as leis Rowaltt, que concediam às autoridades coloniais britânicas poderes de estado de emergência para fazer frente às denominadas atividades subversivas, o movimento se estendeu por toda a Índia. Em 1920 Gandhi empreendeu a campanha organizada de não cooperação.

A independência econômica foi o ponto culminante da luta swaraj (‘auto-governo’, em sânscrito) de Gandhi, que implicava um boicote completo dos produtos britânicos. Propôs estimular o renascimento dos processos artesanais. Converteu-se em símbolo internacional de uma Índia livre. Levava uma vida espiritual e ascética de um pregador, praticando o jejum e a meditação. Os indianos o veneravam como santo e começaram a chamá-lo de Mahatma (‘alma grande’, em sânscrito). A defesa que fez da não violência era a expressão de uma forma de vida implícita no hinduísmo.

Em 1921 o Congresso Nacional Indiano, que liderou o movimento de independência, outorgou-lhe autoridade executiva plena, incluído o direito de designar o próprio sucessor. Uma série de revoltas levaram-no a admitir o fracasso da campanha de desobediência civil.

Em 1932 Gandhi iniciou nova campanha contra as autoridades britânicas. Preso duas vezes, o Mahatma jejuou durante longos períodos em diversas ocasiões.

Em 1934 abandonou formalmente a política e foi substituído como dirigente máximo do Partido do Congresso por Jawaharlal Nehru.

Em 1944 a luta pela independência da Índia estava em sua última fase. O governo britânico havia concordado em conceder a independência com a condição de que os grupos nacionalistas rivais, a Liga Muçulmana e o Partido do Congresso, resolvessem suas diferenças. Embora contra a divisão da Índia, Gandhi terminou aprovando-a. Índia e Paquistão se tornaram dois estados independentes em 1947. Em 1948 foi assassinado por um membro de um grupo extremista hindu.
Enciclopédia Microsoft® Encarta®. © 1993-2001 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.

Caros alunos do nono ano, para homenagear esta grande personalidade, montaremos um banco de dados com frases e/ou pensamentos de Gandhi. Pesquise e faça a postagem de uma frase ou pensamento de autoria de Gandhi. Lembre-se de colocar seu nome e a turma. Evite os erros ortográficos. Bom trabalho! 

O RETRÓGRADO SISTEMA DE CUBA...

Transcrito do "Blog do Programa Rádio Repórter":


A esquerda sonhadora, nos seus devaneios pode até dizer, através de fiéis simpatizantes, que a Revolução trouxe a liberdade para o povo cubano, que a nação de Fidel ficou livre do imperialismo norte-americano. Na prática só quem já viveu em Cuba ou tem algum amigo que morou em Havana sabe das limitações e restrições sociais as quais os moradores deste importante país passam todos os dias.

A Internet que no Brasil está acessível em banda larga para a população carente em lan-houses, nos grandes centros e também na maioria das residências de classe média e alta. Já em Cuba, a Internet ainda é discada e disponível apenas em horários determinados, é de uso público e passa por uma vigilância implacável.

Mesmo com todas essas barreiras, quem é sábio sempre encontra alternativas para manifestar seu livre pensamento. Este é o caso da jornalista e professora licenciada em Filosofia Yoani Sánchez (Fotos), que mora em Havana, e possui o seu blog http://www.desdecuba.com/generaciony/, espaço criado para fazer denúncias contra o regime repressor de Fidel, que agora está sob o comando do irmão Raúl Castro.

O blog Generación Y, da cubana Yoani Sánchez ganhou o prêmio na seção de Jornalismo Digital, do jornal El Pais, tendo assim sido reconhecida a inteligência e a fina habilidade com que a jornalista vem contornado as limitações à liberdade de expressão em Cuba. O que chama a atenção do mundo no trabalho da cubana Yoani Sánchez é a distinção da valentia do jornalismo de investigação, a luta em favor da liberdade de expressão e a denúncia aos horrores da guerra.

Em recente matéria concedida ao jornal O Globo, a jornalista cubana fala dos desafios postar matérias nos cybercafés, a dificuldade de acesso a rede". Só turistas e alguns privilegiados ligados ao governo podiam ler o que eu escrevia. Eles se incomodam porque falo para pessoas que precisam ouvir coisas diferentes e não apenas a versão oficial. Coisas que mais se parecem com as suas vidas e não aquela mensagem artificialmente otimista que o governo tenta passar".

Vale destacar que a jornalista cubana, mesmo com todas as restrições impostas pelo regime de Fidel, conseguiu a marca extraordinária de mais de 1,2 milhão de visitas e acessos na rede mundial de computadores, Yoani Sánchez usou de astúcia e inteligência, hoje é respeitada no mundo inteiro, não precisou xingar Fidel ou Raúl Castro, apenas expõem suas idéias de forma crítica e responsável, denunciando as mazelas do sistema sem perder a elegância e a postura. Para se fazer jornalismo investigativo, contra o sistema que está no poder, não é necessário utilizar de baixaria. Quem apela para a agressão é porque não tem argumentos consistentes para debater em alto nível, por ignorância, desonestidade ou pura maldade.

A cubana Yoani Sánchez, nos seus 32 anos bem vividos, dá exemplo de que se pode estabelecer na internet uma linguagem dinâmica, com conteúdo, independente de idioma, aonde as idéias de libertação e democracia são verdadeiramente transmitidas neste mundo globalizado.

domingo, 4 de julho de 2010

"OS PROBLEMAS DAS GRANDES CIDADES BRASILEIRAS"


Grandes cidades brasileiras sofrem com o crescimento descontrolado das Regiões Metropolitanas e as conseqüências sociais que são geradas. Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Salvador, Fortaleza, Belém, Recife. Essas nove regiões do Brasil tem uma dura realidade em comum: o crescimento desordenado das Regiões Metropolitanas. Fato que ocasiona uma série de outros problemas como: falta de saneamento básico, desestrutura nos meios de transportes públicos, criminalidade e outros.
Vale lembrar que apesar desses problemas serem mais intensos nas grandes metrópoles brasileiras, eles ocorrem também em cidades de médio e pequeno porte. Um bom exemplo disso são as cidades mineiras Uberlândia e Juiz de Fora que já enfrentam esses problemas. No caso da Região Nordeste do Brasil, a situação ainda é mais crítica, há cidades pequenas com graves problemas de infra-estrutura. Segundo o IBGE, no pequeno município de Guaribas no Piauí, que tem cerca de cinco mil habitantes, novecentos domicílios não tem banheiros ou qualquer tipo de instalação sanitária.
Caros alunos do 7º ano, durante o terceiro bimestre vamos estudar os problemas sociais mais graves pelos quais as grandes e médias cidades brasileiras tem enfrentado. Montaremos um banco de dados sobre o assunto. Pesquise sobre a infra-estrutura de uma cidade brasileira e poste aqui no Blog. Vale também exemplos de cidades que tem conseguido solucionar tais problemas. Faça com atenção, evite erros ortográficos e bom trabalho.

"DESVENDANDO A AMÉRICA"


Com uma área de 42 189 120 km² e uma população de mais de 902 milhões de habitantes, a América corresponde a 8,3% da superfície total do planeta, ou 28,4% das terras emersas, e a 14% da população humana. Localizado entre o oceano Pacífico e o Atlântico, o continente americano inclui o Mar do Caribe e a Groenlândia, mas não a Islândia, por razões históricas e culturais.
Também é conhecida pela expressão "Novo Mundo", neste caso em oposição à Eurafrásia, considerada o "Velho Mundo", e à Oceania, chamada de "Novíssimo Mundo". Nos países de língua inglesa, a América é por vezes designada no plural Américas, para evitar a ambiguidade com o nome dos Estados Unidos. A maioria dos estudiosos aponta o nome do navegador italiano Américo Vespúcio como origem etimológica do topônimo "América", cujo gentílico é "americano".
A América compõe-se de duas massas de dimensões continentais (as Américas do Norte e do Sul) ligadas por um istmo (o istmo do Panamá) que é cortado por um canal (o canal do Panamá). Além dessas divisões, há os conceitos das chamadas América Média e Mesoamérica.
Com todo esse território e uma grande diversidade de povos com culturas bastante peculiares, a América se destaca no cenário mundial por apresentar ainda grandes reservas de recursos naturais. Principalmente na porção sul.
Caros alunos do 8º ano, durante o terceiro bimestre estudaremos com mais detalhes as particularidades do continente americano. Por esse motivo montaremos aqui no Blog o banco com geodados dos países americanos. Veja o modelo, pesquise os geodados do pais americano com o qual você foi sorteado e poste os dados aqui. Bom trabalho e cuidado com os erros de digitação.

sábado, 8 de maio de 2010

ENTENDA A CRISE DA GRÉCIA...


A BBC preparou uma sessão de perguntas e respostas para ajudar a entender o que está em jogo nessa crise.

Por que a Grécia está nessa situação?


A Grécia gastou bem mais do que podia na última década, pedindo empréstimos pesados e deixando sua economia refém da crescente dívida.
Nesse período, os gastos públicos foram às alturas, e os salários do funcionalismo praticamente dobraram.
Enquanto os cofres públicos eram esvaziados pelos gastos, a receita era atingida pela evasão de impostos.
A Grécia estava completamente despreparada quando chegou a crise global de crédito e em 2009, registrou déficit orçamental de 13,6% do PIB e enfrenta atualmente uma dívida de 300 bilhões de euros.
O montante da dívida deixou investidores relutantes em emprestar mais dinheiro ao país. Hoje, eles exigem juros bem mais altos para novos empréstimos.
Essa situação é particularmente preocupante, porque a Grécia depende de novos empréstimos para refinanciar mais de 50 bilhões de euros em dívidas neste ano.

Por que a situação causa tanta preocupação fora da Grécia?


Todo mundo na zona do euro - e qualquer um que negocie com a zona do euro - é afetado por causa do impacto da crise grega sobre a moeda comum européia.
Teme-se que os problemas da Grécia nos mercados financeiros internacionais provoquem um efeito dominó, derrubando outros membros da zona do euro cujas economias estão enfraquecidas, como Portugal, Irlanda, Itália e Espanha. Todos eles enfrentam desafios para requilibrar suas contas.
As preocupações foram exacerbadas pelas agências de classificação de risco, que rebaixaram os graus de investimento de Portugal e Espanha, além da Grécia, gerando temores sobre a capacidade desses países de pagar suas dívidas.

O que a Grécia está fazendo para reverter a crise?

A Grécia apresentou planos para cortar seu déficit para 8,7% em 2010, e para menos de 3% até 2012.
Para alcançar isso, o Parlamento grego aprovou em maio um pacote de medidas de austeridade para economizar 4,8 bilhões de euros.
O governo quer congelar os salários do setor público e aumentar os impostos, e ainda anunciou o aumento do preço da gasolina.
O governo ainda pretende aumentar a idade para a aposentadoria em uma tentativa de economizar dinheiro no sistema de pensões, já sobrecarregado.

Como essas medidas foram recebidas na Grécia?

De maneira nem um pouco positiva. Houve uma série de protestos no país, alguns violentos.
Em um deles, três pessoas morreram após um incêndio em um banco no centro de Atenas. Várias greves atingiram escolas e hospitais e praticamente paralisaram o transporte público.
Muitos servidores públicos acreditam que a crise foi criada por forças externas, como especuladores internacionais e banqueiros da Europa central.
Os dois maiores sindicatos do país classificaram as medidas de austeridade como "antipopulares" e "bárbaras".

O que acontece agora?

A União Européia afirmou que a primeira parcela do pacote de empréstimo será paga antes do dia 19 de maio - data que vence parte da dívida grega. No total, cerca de 30 bilhões de euros (R$ 70 bi).
Em teoria, os fundos do pacote de ajuda da UE e do FMI e o pagamento de parte da dívida deveria proporcionar uma queda nos custos de empréstimo do governo e o euro deveria voltar a se fortalecer, depois de ter sofrido queda nas últimas semanas por causa do medo de a Grécia não conseguir pagar suas dívidas.

A Grécia poderia simplesmente abandonar o euro?


Operadores de câmbio já demonstraram medo de que alguns países com grandes déficits no orçamento - como a Grécia, Espanha e Portugal - possam se sentir tentados a abandonar o euro.
Ao deixar a moeda comum, o país poderia permitir a desvalorização de sua moeda e, assim, melhorar sua competitividade.
Mas isso também causaria grandes rupturas nos mercados financeiros, provocando o medo entre os investidores de que outros países adotassem a mesma estratégia, potencialmente levando ao fim da união monetária.
Mas a União Europeia já demonstrou que quer manter a zona do euro unida e descartou a ideia de que países iriam abandonar a moeda.

Como a situação da Grécia se compara a de outros países?


A Grécia não é o único país da zona do euro a violar a regra que afirma que o déficit orçamentário não deve ultrapassar 3% do PIB do país.
Na Grã-Bretanha, que não está na zona do euro, esse déficit chega a 13% do PIB. Na Espanha ele chega a 11,2%, na Irlanda a 14,3% e na Itália a 5,3%.

Fonte: globo.com/notícias

quinta-feira, 6 de maio de 2010

O NOVO E MAIOR AQUÍFERO DO MUNDO...


Além da maior biodiversidade, a maior floresta tropical úmida e o maior depósito mineral do planeta, a Amazônia deteria também o maior manancial de água subterrânea do mundo. A descoberta do aquífero Alter do Chão, localizado entre os estados do Pará, Amazonas e Amapá, foi anunciada há duas semanas por pesquisadores da Universidade Federal do Pará (UFPA). Ela vale, no mundo de hoje, mais que a descoberta de um poço de petróleo.

“Fizemos um cálculo com dados preeliminares e estimamos que a reserva de água mínima desse aquífero seja de cerca de 86 mil quilômetros cúbicos de água. O volume daria para abastecer toda a população mundial por 400 anos”, afirmou um dos coordenadores da pesquisa pela UFPA e doutor em geologia, Milton Matta.

Apesar de não ser tão extenso em termos de área, o novo aquífero Alter do Chão possui quase o dobro do volume do aquífero Guarani, localizado entre o sul do Brasil, Argentina e Uruguai, e, até então, considerado por vários pesquisadores o maior do mundo. “O Guarani tem o volume de calculado em torno de 45 mil quilômetros cúbicos de água, quase a metade do volume do Alter do Chão”.

A importância estratégica da nova descoberta para o País é enorme, segundo o coordenador da pesquisa. “Enquanto o Gurani fica em solo interfronteiriço, o que dificulta sua gestão, o aquífero de Alter do Chão está totalmente em solo brasileiro. Além disso, o primeiro tem uma vulnerabilidade ambiental maior, ou seja, pode ser mais facilmente contaminado devido ao seu conjunto de rochas vulcânicas fraturadas. O Alter do Chão está mais protegido por camadas de argila”.

O especialista afirma ainda que enquanto o Guarani possui águas mais profundas, o que exigem perfurações de poços acima de mil metros, no Alter do Chão a água está mais próxima, acima de 300 metros, tornando o processo de perfuração mais barato. “Imagine o benefício para um conjunto de cidades da Amazônia que hoje estão sendo abastecidas com água superficial, que é muito mais cara e também não tão límpida quanto a subterrânea”.

Fonte: www.amazonasnoticias.com.br

sábado, 17 de abril de 2010

PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS


Nunca antes se ouviu falar tanto nessa palavra quanto nos dias atuais: Sustentabilidade. Mas, afinal de contas, o que é sustentabilidade?
Segundo a Wikipédia: “sustentabilidade é um conceito sistêmico; relacionado com a continuidade dos aspectos econômicos, sociais, culturais e ambientais da sociedade humana”.
Mas você ainda pode pensar: “E que isso tudo pode significar na prática?”
Podemos dizer “na prática”, que esse conceito de sustentabilidade representa promover a exploração de áreas ou o uso de recursos planetários (naturais ou não) de forma a prejudicar o menos possível o equilíbrio entre o meio ambiente e as comunidades humanas e toda a biosfera que dele dependem para existir. Pode parecer um conceito difícil de ser interpretado e, em muitos casos, economicamente inviável. No entanto, não é bem assim. Mesmo nas atividades humanas altamente impactantes no meio ambiente como a mineração; a extração vegetal, a agricultura em larga escala; a fabricação de papel e celulose e todas as outras; a aplicação de práticas sustentáveis nesses empreendimentos; revelou-se economicamente viável e em muitos deles trouxe um fôlego financeiro extra. Ou seja, basta querer que é possível sim desenvolver com sustentabilidade.
Então, o que nós como cidadãos comuns podemos fazer no nosso dia-a-dia para colaborar para um planeta mais sustentável? Lembre-se que somos quase 7 bilhões de habitantes no mundo. Se cada um fizer a sua parte, o mundo todo se beneficia.
Deixe uma postagem aqui no blog com dicas sobre sustentabilidade. Vale citar bons exemplos e até mesmo projetos simples que podem ser aplicados em casa, na escola ou no trabalho. Digite com atenção e confira a ortografia antes de postar. Sei que vocês vão me surpreender. Bom trabalho!

DIVERSIDADES NA AMÉRICA LATINA


A América Latina é uma extensa área do continente americano que se inicia no México e termina no sul do Chile. Essa parte do continente americano foi colonizada principalmente por portugueses e espanhóis que não tinham a menor pretensão de conservar nada. O principal objetivo destes colonizadores era o de explorar as riquezas latinas americanas, proporcionando aos seus países de origem grande êxito econômico.
Atualmente, muitos países da América Latina tem apresentado grande crescimento econômico, um bom exemplo disso é o México, o Brasil e a Argentina que nos últimos anos se destacaram economicamente e receberam a classificação de países emergentes.
Os países latinos americanos apresentam grande diversidade natural, histórica, econômica, social e cultural. Fato que faz com que a América Latina seja uma das regiões mais diversificadas do mundo.
É com esse intuito, que neste bimestre vamos desvendar algumas das diversidades latinas americanas. Pesquise notícias, fatos, curiosidades e relatos sobre a América Latina. Podem ser notícias que envolvam aspectos naturais, culturais, sociais ou econômicos. Pesquise, leia, resume e em seguida faça a postagem aqui no blog. Muita atenção para não “fugir” do tema proposto e nem digitar com erros ortográficos. Capriche, sei que os alunos do 8º ano são capazes. Bom trabalho!

domingo, 21 de março de 2010

A IMPORTÂNCIA DA ÁGUA...

Sem água não há vida possível. É um bem precioso e necessário para a atividade humana.
Os recursos da água doce não são inesgotáveis.
É preciso conservá-los, controlá-los e se possível, aumentá-los.
Alterar a qualidade da água é prejudicial para a vida das pessoas e de todos os seres vivos.
A água é de todos. Cada um tem o dever de usá-la com cuidado e de não a desperdiçar.
Ela não tem fronteiras. É um recurso comum que necessita da colaboração de todos os países.

Caro(a) aluno(a):
Dia de 22 de março é considerado o “Dia Internacional da Água”. É um dia para refletirmos sobre a importância deste líquido tão precioso. Como seria a vida na Terra sem água? Já parou para pensar nisso? Será que sobreviveríamos? Reflita sobre isso e deixe um comentário sobre a sua reflexão aqui no blog. Vale também apresentar dicas de como consumir a água de uma forma mais racional. Digite no Word, corrija os erros, copie e cole aqui no blog.

ECONOMIZAR ÁGUA É DEVER DE TODOS!!

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

UM POUCO SOBRE MARX...


Karl Heinrich Marx nasceu em Tréveris na Alemanha no dia 5 de maio de 1818 e faleceu em Londres em 14 de março de 1883. Foi um intelectual e revolucionário alemão, fundador da doutrina comunista moderna (socialismo), atuou como economista, filósofo, historiador, teórico político e jornalista.
O pensamento de Marx influencia várias áreas, tais como Filosofia, História, Sociologia, Geografia, Ciência Política, Antropologia, Psicologia, Economia, Comunicação, Arquitetura e outras. Em uma pesquisa da rádio BBC de Londres, realizada em 2005, Karl Marx foi eleito o maior filósofo de todos os tempos.
Marx foi o 3º de sete filhos, de origem judaica de classe média da cidade de Tréveris, na época no Reino da Prússia. Sua mãe, Henri Pressburg (1771–1840), era judia holandesa e seu pai, Herschel Marx (1759–1834), um advogado e conselheiro de Justiça. Herschel descende de uma família de rabinos, mas se converteu ao cristianismo luterano em função das restrições impostas à presença de membros de etnia judaica no serviço público, quando Marx ainda tinha 6 anos.[2] Seus irmãos eram Sophie (d. 1883), Hermann (1819-1842), Henriette (1820-1856), Louise (1821-1893), Emilie (adotado por seus pais), Caroline (1824-1847) e Eduard (1834-1837).
Em 1830, Marx iniciou seus estudos no Liceu Friedrich Wilhelm, em Tréveris, ano em que eclodiram revoluções em diversos países europeus. Ingressou mais tarde na Universidade de Bonn para estudar Direito, transferindo-se no ano seguinte para a Universidade de Berlim, onde o filósofo alemão Georg Wilhelm Friedrich Hegel, cuja obra exerceu grande influência sobre Marx, foi professor e reitor. Em Berlim, Marx ingressou no Clube dos Doutores, que era liderado por Bruno Bauer. Ali perdeu interesse pelo Direito e se voltou para a Filosofia, tendo participado ativamente do movimento dos Jovens Hegelianos. Seu pai faleceu neste mesmo ano. Em 1841, obteve o título de doutor em Filosofia com uma tese sobre as "Diferenças da filosofia da natureza em Demócrito e Epicuro". Impedido de seguir uma carreira acadêmica, tornou-se, em 1842, redator-chefe da Gazeta Renana (Rheinische Zeitung), um jornal da província de Colônia; conheceu Friedrich Engels neste mesmo ano, durante visita deste a redação do jornal.
Caro aluno, em sua opinião, o idealismo de Marx e Engels funcionaria no mundo atual, onde a maioria da população pensa apenas em se beneficiar sem qualquer preocupação com o próximo? Comente sobre isso. Lembre-se de colocar seu nome e sua turma. Cuidado com os erros de Português. Digite primeiro no editor de textos (Word), corrija os erros, copie e cole no campo comentários do Blog. Bom trabalho!

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

É HORA DE...


Cada dia é um recomeço:

Podemos achar que tudo que a vida nos oferece amanhã é repetir o que fizemos ontem e hoje. Mas, se prestarmos atenção, vamos reparar que nenhum dia é igual ao outro.
Cada manhã traz uma bênção escondida; uma bênção que só serve para este dia, e que não pode ser guardada ou reaproveitada. Se não usarmos este milagre hoje, ele se perderá.
Este milagre está nos detalhes do cotidiano; é preciso viver cada minuto, porque ali encontramos a saída para as nossas confusões, a alegria de nossos bons momentos, a pista certa para a decisão que precisa ser tomada.
Não podemos deixar nunca que cada dia pareça igual ao anterior - porque todos os dias são diferentes.
Paulo Coelho
Por Pedrosa, Vicente

Caros alunos:

vamos recomeçar o ano letivo com todo o entusiasmo e coragem para conquistarmos todos os nossos ideais. O que passou, passou. Temos que prestar atenção no presente. Pois, são das ações do presente que dependerá o nosso futuro. Saúde, sorte e coragem para todos nós!!

Sejam bem-vindos!!

Prof. Vicente Pedrosa